Quem é Você?

20170621_222526

Quem é você? A pergunta estampada na minha frente e eu inerte, sem saber, absolutamente o que responder. Quem sou eu… É como se eu fosse alguém à procura de mim mesmo, e isso seguiu martelando em minha mente por algum tempo. Não exatamente por faltar-me a resposta, mas principalmente por perceber como somos egocêntricos e contraditórios. Criticamos tanto as pessoas e as julgamos o tempo inteiro, mas, sequer sabemos muito sobre nós mesmos. Por mim a pergunta continuará sem resposta, porque depois de refletir por algum tempo, concluí que não SOMOS ninguém. Na verdade, nós ESTAMOS alguém… Somos o resultado daquilo que aprendemos, absorvemos e colocamos em prática, e essa soma não termina nunca, ela sempre estará em andamento enquanto estivermos por aqui… Ela está sempre acontecendo, por isso somos seres em construção e em constante transformação. Então, talvez soubesse responder no máximo  quem eu fui; quem eu pretendo ser e até quem eu penso que sou, mas jamais poderia responder quem eu sou. Poderia dizer também que, graças a Deus, me considero em um estágio mais avançado do que estava há algum tempo, e isso por si só, me parece bastante motivador. Não busco perfeição, mas busco sempre ser melhor a cada dia. Mas quem sou eu para avaliar, ao menos, se me encontro em um estágio aceitável de evolução… mas também,  quem é você para fazer tal avaliação? Afinal, quem somos nós senão, meros aprendizes…

Anúncios

De Repente, Quarenta!!!

 20170612_065147
De repente, como se o tempo desse um enorme salto, quarenta anos se passaram. E você que pensou que tinha vivido de tudo na vida, percebeu que ainda tem muito pela frente. Mas também descobriu que, embora esteja apenas no meio do caminho, o pior já foi superado. Outra metade da estrada ainda está à sua espera, mas agora você se sente verdadeiramente preparada para os desafios da vida. Consegue aliar a força da juventude que ainda lhe resta com a enorme experiência adquirida ao longo do tempo. As discriminações e os preconceitos não te destruíram e, ao contrário, te fizeram forte o bastante para dizer: Basta!!! Hoje sei do meu valor. Aprendeu a não criar expectativas, mas a produzir os resultados que até então, apenas aceitava. Sofreu injustiças, mas isso não te calou. Apenas te ensinou a acreditar menos nos outros e mais em você mesma. Sofreu desamores, o que também não te abalou. Simplesmente te ensinou a cultivar o amor próprio. Sofreu abandonos, mas isso não foi suficiente para que você abandonasse seus ideais. Hoje, mais do que nunca sabe exatamente onde deve pisar. Conhece todas as armadilhas do caminho. Por isso é mais você. Por isso essa segurança de poder bater no peito e gritar ao mundo: HOJE, ENFIM, ESTOU PRONTA PRA SER FELIZ!!!!